MODA - 17/04/2015

4º dia de SPFW

Penúltimo dia da semana de moda contou com desfiles de Giuliana Romanno, Lenny Niemeyer, Têca por Helô Rocha, Iódice e Samuel Cirnansck entre outros grandes nomes


O 4° dia do SPFW teve tradicionais marcas da semana de moda desfilando sua coleção Verão 2016. Samuel Cirnansck. Giuliana Romanno, Lino Villaventura, Patricia Vieira, Acquastudio, Gig Couture, Têca por Helô Rocha, Iódice, Samuel Cirnansck e ainda Lenny Niemeyer. Confira o que rolou nos principais desfiles.
 
 
Samuel Cirnansck
  • Desfile Samuel Cirnansck Verão 2016
Silhuetas com curvas para mulheres poderosas foram ponto de partida para o desfile de Samuel Cirnansck. Com bordados e transparências, o estilista investe na tendência dos anos 20. Nos logos, exuberantes pedrarias, transparências e volume.
 
Têca por Helô Rocha
  • Coleção Têca por Helô Rocha 
Inspirada nos Orixás da Bahia, crença do candomblé e o axé; Helô Rocha utilizou bordados, aplicações, miçangas e búzios junto de materiais como renda, crochê manual, bordados e franjas de pedrarias. Na cartela de cores, azul e off-white trazem leveza à passarela e pontos de preto e vermelho mostram o lado sedutor.
 
Lenny Niemeyer
  • Peças-desejo do Verão 2016 Lenny Niemeyer 
Depois de muitos anos apresentando sua coleção no Rio de Janeiro, Lenny Niemeyer, agora está no SPFW. A estilista interpretou o carnaval de forma dramática, trazendo um beachwear deluxe com silhueta retrô, onde predomina o clima festivo com babados aplicados. Lenny conseguiu traduzir o lifestyle da praia, dando vontade de se usar as peças quando se está longe da água.
 
Iódice
  • Verão 2016 Iódice no SPFW 
Baseado na mulher moderna e romântica, a Iódice aposta em uma sensualidade simples, porém sofisticada. A inspiração para a coleção Verão 2016 vem do nordeste brasileiro. Os tons terrosos, amarelo, verde e rosa e pêssego ganharam espaço e o metalizado quebrava a delicadeza do visual.
 
 
Giuliana Romano
  • Verão 2016 Giuliana Romano 
A estilista Giuliana Romano apresentou um verão de calmaria na São Paulo Fashion Week. Uma coleção suave e sensual com tecidos que fazem um jogo de aparências: o laise geométrico vazado lembra renda, a trama do jacquard de seda duchesse remete ao artesanato de antigos tapetes e cestos de palha, o vichy devoré é brejeiro e o linho, no peso ideal para estruturar formas flexíveis. A cartela de cores é mínima e luminosa: branco, amarelo, azul.
 
 
Fotos: Agência FotoSite
 
 
 

Veja também